VI Seminário Internacional sobre IFRS acontece em Buenos Aires

Por Fabrício Santos
Comunicação CFC

O vice-presidente do Grupo Latinoamericano de Emissores de Normas de Informação Financeira (Glenif), indicado pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC), Eduardo Pocetti, participoudo VI Seminário Internacional  de IFRS e IFRS para PMES, realizado de 25 a 27 de junho, em Buenos Aires, Argentina.

reuniao_diretorip_julho

Organizado pela Federação Argentina de Conselhos Profissionais e Ciências Econômicas (Facpce), o Seminário abordou temas de interesse da contabilidade na América Latina. Um dos painéis, apresentados pelo vice-presidente do Grupo Latinoamericano de Emissores de Normas de Informação Financeira (Glenif), Eduardo Pocetti; do membro do Iasb, Amaro Gomes; e do diretor do Glenif (Colômbia), Daniel Sarmiento teve como tema “A Adaptação das Normas Internacionais de Informação Financeira  nos bancos pelo mundo e na América Latina”. O painel foi coordenado por Jorge José Gil, diretor do Glenif (Argentina).

Na ocasião foram realizadas reuniões do diretório e Assembleia de Presidentes do Glenif, na sede da Federação Argentina de Profissionais de Ciências Econômicas (FACPCE), com a participação do Presidente Felipe Pérez Cervantes (México), Vice-presidente Eduardo Pocetti (Brasil) diretores Daniel Sarmiento (Colômbia), Angel Salazar Frizancho (Perú),  Winston Fernandes (Uruguai) e Jorge José Gil (Argentina).  O membro do Iasb, Amaro Gomes, fez um relato das atividades recentes o organismo e sobre os projetos que estão em andamento.

Durante a reunião foram discutidos os temas que estão sob análise do GTT 52 Turstees Review of Scructure and Effectiveness: Proposed Amendments yo The IFRS Foudantion Constitution e GTT 53  Exposure Draft: Definitionof a Business and Accouting for Previously Interests para apresentação das contribuições nos meses de setembro e outubro de 2016, respectivamente. O ex-presidente do Glenif e Assessor Especial,  Juarez Domingues Carneiro, também participou da reunião.

Eduardo Pocetti também participou de reuniões com autoridades do Banco Central e Comissão de Valores Mobiliários da Argentina.