Fundação IFRS nomeia novos curadores, incluindo um brasileiro

Por Maristela Girotto
Comunicação CFC

O contador Alexsandro Broedel foi nomeado novo curador da Fundação International Financial Reporting Standards (IFRS). Professor titular do Departamento de Contabilidade e Atuária da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo, Broedel vai ocupar, a partir de 1º de janeiro de 2020, a vaga de Maria Helena Santana, ex-presidente da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), na Fundação responsável pela governança e supervisão do International Accounting Standards Board (Iasb) – organismo encarregado de emitir as normas internacionais de contabilidade (IFRS). Broedel foi membro e vice-coordenador de Relações Internacionais do Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC) entre os anos de 2014 e 2018.

De acordo com comunicado veiculado pela Fundação IFRS, os seguintes curadores foram nomeados para um mandato de três anos, a partir de 1º de janeiro de 2020:

Alexsandro Broedel – diretor-executivo de Finanças do Grupo e Chefe de Relações com Investidores no Itaú Unibanco no Brasil – a maior instituição financeira privada da América Latina. Ele ocupará um dos assentos reservados às Américas quando Maria Helena Santana encerrar seu segundo mandato.

Joanna Perry – ocupa cargos não executivos seniores em organizações públicas e privadas na Nova Zelândia e está concluindo, nas últimas semanas, seu segundo mandato como presidente do Conselho Consultivo do IFRS, cargo que ocupa desde 2014. Ela assumirá assento da Ásia-Oceania no lugar de Lynn Wood.

Maria Theofilaktidis – vice-presidente executiva, diretora de conformidade e chefe de risco empresarial do Bank of Nova Scotia (Scotiabank), um dos maiores bancos multinacionais do Canadá. Ela ocupará outra vaga reservada às Américas quando Sheila Fraser encerrar mandato.

Ainda de acordo com o comunicado da Fundação IFRS, foram reconduzidos para um segundo e último mandato, de três anos, com efeitos a 1º de janeiro de 2020, Else Bos, Su-Keun Kwak e Guangyao Zhu.

As nomeações da Fundação IFRS são aprovadas pelos curadores e pelo IFRS Foundation Monitoring Board, o grupo de autoridades do mercado de capitais que reforça a supervisão do interesse público da IFRS Foundation.

 

A reprodução deste material é permitida desde que a fonte seja citada.