Manual de Orientações para Articulistas

1. APRESENTAÇÃO

Este manual tem por objetivo orientar os autores na elaboração de artigos para submissão à Revista Brasileira de Contabilidade. Artigo é um trabalho técnico-científico, escrito por um ou mais autores.

2. REGRAS RELATIVAS À SUBMISSÃO, FORMATO E CONTEÚDO DOS ARTIGOS

2.1. Regras para Submissão

Os artigos devem ser elaborados individualmente ou em conjunto de no máximo quatro autores, que se enquadrem em uma das seguintes categorias:

- Contabilista (contadores e técnicos em contabilidade).

- Estudantes e Pesquisadores.

- Profissionais com formação acadêmica diversa.

Os membros do Conselho Editorial e Conselheiros do Sistema CFC/CRCs que apresentarem artigos para publicação na Revista Brasileira de Contabilidade também se submeterão às mesmas regras estabelecidas neste Manual.

Os artigos submetidos não podem ter sido publicados em revista, em jornal ou em qualquer outro tipo de publicação, exceto se derivados de tese de doutorado, dissertação de mestrado e/ou apresentados em congressos, em seminários, em conferências ou em outros eventos nacionais e internacionais.

2. 2 Conteúdo

Os artigos a serem publicados na RBC devem abordar temáticas relacionadas à área de contabilidade, que sejam de interesse para a classe contábil no Brasil. Podem conter uma discussão teórica ou teórica-empírica (aplicação de teorias, soluções de problemas reais, etc.).

A título de exemplo, são citadas algumas áreas de interesse: Teoria da Contabilidade, Controladoria, Contabilidade Financeira, Contabilidade Gerencial, Contabilidade Internacional, Análise das Demonstrações Contábeis, Finanças, Gestão de Riscos, Mercado de Capitais, Avaliação de Empresas, Instrumentos Financeiros, Governança Corporativa, Contabilidade Ambiental, Balanço Social, Ética, Atuária, Auditoria, Ensino e Aprendizagem, Gestão Estratégica de Custos, Logística, Contabilidade e Flutuações de Preços, Contabilidade Governamental, Organizações do Terceiro Setor, Sistemas de Informações Contábeis, Contabilometria, e Contabilidade Rural.

2.3 Estrutura

O artigo deverá conter:

• Elementos pré-textuais: título, resumo, e palavras-chave

• Texto: introdução, desenvolvimento do tema (fundamentação teórica, metodologia e resultados), considerações finais e/ou conclusão

• Elementos pós-textuais: Referências, apêndices e anexos.

O total de páginas não deverá ser inferior a 10 (dez) ou exceder a 15 (quinze), incluídos o resumo, considerações finais e/ou conclusão e referências.

O resumo deverá conter de 10 (dez) a 15 (quinze) linhas e que, apresenta de forma concisa todos os pontos relevantes do artigo. Visa fornecer elementos capazes para permitir ao leitor decidir sobre a necessidade de consulta integral do texto. Deve ressaltar a problemática que se pretendeu solucionar e explicar; os objetivos; a abordagem metodológica empreendida; os resultados e as considerações finais e/ou conclusão em um único parágrafo.

São esperados os seguintes elementos no texto:

• Introdução -  Contextualização e objetivos. Deve apresentar as justificativas que levaram o autor a escolher o tema, o problema de pesquisa, a hipótese de estudo (se houver) e o objetivo pretendido. A introdução tem a função de despertar o interesse do leitor em ler o texto;

• Fundamentação teórica – referenciar autores e estudos assemelhados demonstrando o apoio teórico ao desenvolvimento do tema objeto do artigo;

• Metodologia – método e procedimentos da pesquisa, com descrição da trajetória para atingir os objetivos do trabalho;

• Síntese dos resultados – principais resultados alcançados com a pesquisa; e

• Considerações finais e/ou Conclusão – Contém a resposta para o problema formulado na introdução. Deve resultar de deduções lógicas sempre fundamentadas no que foi apresentada e discutido no corpo do trabalho, e conter comentários e conseqüências próprias da pesquisa. Pode também conter sugestões para novas pesquisas.

2.4 Formato

Os artigos deverão observar o seguinte formato:

• Editor de textos – Word for Windows 6.0 ou posterior;

• Configuração das páginas – margens: superior 3 cm; inferior 2 cm; esquerda 3 cm; direita 2 cm;

• Tamanho do papel – A4 (largura 21 cm; altura 29,7 cm);

• Fonte – Times New Roman, tamanho 12;

• Formato do parágrafo – recuo especial: primeira linha 1,25 cm;

• Espaçamento entre linhas: simples;

• Alinhamento: Justificado

• Figuras, tabelas e gráficos, tamanho – Fonte Times New Roman 10;

• Orientação geral – Normas ABNT.

•  As ilustrações, tais como figuras, quadros e tabelas, devem ser elaboradas segundo a norma da ABNT (NBR 14724), sempre em preto e branco, juntamente com legendas, créditos e fonte.

• Caso haja ilustrações importadas de outros programas, como o Excel e Power Point, enviar também o arquivo de origem.

•  Não deverá conter qualquer tipo de identificação do(s) autor(es) no corpo do artigo.

• Deverão ser redigidos em língua portuguesa.

• Deverão ser acompanhados de folha de identificação do(s) autor(es) contendo os seguintes dados:

-  título do artigo;

-  o(s) nome(s) do(s) autor(es);

-  o nome do orientador, se houver;

-  endereço, telefone, fax e e-mail para contato; e

-  breve currículo do(s) autor(es), limitado a 5 (cinco) linhas.

  • · Os articulistas deverão preencher a declaração de submissão de autores disponível no site do Conselho Federal de Contabilidade – www.cfc.org.br – no ícone RBC e enviá-la em arquivo suplementar no ato da submissão do artigo.

Declaração de Submissão de Artigo

2.5 Envio dos Artigos

Os artigos deverão ser enviados, exclusivamente, para o e-mail rbcartigos@cfc.org.br

3. Avaliação

O artigo aprovado na primeira etapa, será avaliado por dois membros do conselho editorial, sem conhecimento dos autores (doble blind review), que emitirão parecer quanto à adequação ou não do artigo para publicação, bem como farão sugestões de melhoria, tendo como objetivo auxiliar o (s) autor (es) na  qualidade do artigo, de forma construtiva.

Em caso de discordância entre os dois avaliadores, o artigo será enviado a um terceiro membro do conselho editorial, para decisão quanto a publicação do artigo.

A avaliação considera, primordialmente, a qualidade científica do texto, com foco nos seguintes aspectos:

• Atualidade do tema;

• Originalidade do trabalho;

• Relevância e consistência teórica do texto para o desenvolvimento da área de conhecimento;

• Qualidade do referencial teórico utilizado;

• Qualidade de redação e organização do texto;

• Contribuição do trabalho para o conhecimento em contabilidade;

• Qualidade da análise e discussão dos dados (se for o caso);

• Considerações finais e/ou Conclusão: estruturação, fundamento e coerência.

Caso o artigo seja aprovado com solicitação de alterações pelo (s) avaliador (e)s, o autor deverá efetuá-las com indicação (marcas de revisão). A publicação do artigo estará condicionada ao atendimento das alterações pontuadas.

Independentemente de qualquer análise adicional, será recusado o artigo que fizer alusão depreciativa a contabilista ou a classe contábil

4. Publicação

A escolha dos artigos para publicação priorizará:

• Relevância e atualidade do tema

• Abrangência do estudo

• Identificação com o tema-chave da revista, quando da edição de revistas temáticas

5. Revista Temática

O Conselho Editorial poderá eleger tema específico, para publicação em uma edição especial, considerando os aspectos de  relevância, atualidade, impacto ou interesse da categoria.

REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO EDITORIAL

ANÁLISE PROCEDIDA PELO DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

« O Analista de Comunicação Social ou o representante do Departamento de    Comunicação Social do CFC (Decom) será responsável pelo(a):

-  Avaliação prévia do artigo, a fim de verificar o cumprimento das normas e das regras de apresentação do artigo estabelecidas neste Manual pelos articulistas.

-  Encaminhamento dos artigos para análise dos membros do Conselho Editorial (CE).

-  Recebimento dos artigos analisados pelo CE e encaminhamento dos trabalhos para a produção da RBC.

-     Retorno aos articulistas sobre o deferimento ou indeferimento de seus trabalhos.

       « Os artigos recebidos passarão pelas seguintes análises:

-    Revisão da adequação às Normas Técnicas para elaboração de artigos.

-  Artigos que não atendam ao disposto neste Manual não serão aceitos para avaliação.

-  Os artigos aceitos para avaliação serão distribuídos aos membros do Conselho Editorial designados para apreciação técnica e indicação para publicação, ou não, mediante formulário próprio.

-  Caso o artigo não seja recomendado para publicação por unanimidade dos membros do Conselho Editorial designados para análise, o autor será comunicado.

-  Caso o artigo seja recomendado para publicação, este passará para a revisão gramatical. O autor será comunicado da aprovação do material por e-mail ou por contato telefônico.

-  O material aprovado será encaminhado para a revisão gramatical e, em seguida, para a diagramação.

ANÁLISE DO CONSELHO EDITORIAL DE ACORDO COM AS NORMAS ESTABELECIDAS

« Cada membro, de forma individual, efetuará a análise, considerando o que se segue:

a)  Será recusado o artigo que fizer alusão depreciativa a contabilista ou a classe contábil.

b) Os artigos não terão o(s) seu(s) autor(es) identificado(s).

c) O Conselheiro deverá pautar sua análise nos aspectos técnicos do artigo, independente de o material ser controverso, contraditório ou mesmo contrário às suas teorias ou às teses em uso, mas que, tecnicamente, esteja adequado aos padrões de qualidade da Revista Brasileira de Contabilidade.

d) O Conselheiro deverá expressar a sua opinião sobre o artigo analisado em Formulário de Avaliação, conforme modelo elaborado pelo Conselho Federal de Contabilidade.

e) O Conselheiro, em sua análise, poderá sugerir adequações quanto às terminologias utilizadas pelo autor.

f)  Se não contém termos ou terminologias que contrariem às Normas Brasileiras de Contabilidade (NBC), podendo, neste caso, sugerir adaptações, dependendo do contexto que o termo é adotado em outros países.

g) Se eventuais palavras ou terminologias em língua estrangeira não são de conhecimento geral, sugerindo a adoção de palavra ou expressão em português, se existir, ou sua explicação resumida.

h) A atividade de Conselheiro não terá vínculo laboral com o CFC e não implicará qualquer tipo de remuneração.

i) O Conselheiro será convidado para participar de reuniões com o Coordenador do Conselho Editorial, numa periodicidade a ser estabelecida em calendário anual, sendo que o local da reunião será definido pelo CFC.

Manual para Casos Práticos de Contabilidade e de Gestão Aplicados às Organizações

Manual para Experiências de Ensino e Aprendizagem